FANDOM


Eras-canon-transp

Eras-legends2

Rebellions are built on hope
Artigos têm como base esperança!
Este artigo precisa de referências para atingir um maior padrão de qualidade.
"Às vezes é preciso coragem para se ater às crenças, jovem Padawan."
―Ayla Secura, para Ashoka Tano[fonte]

Aayla Secura foi uma Rutiano Twi'lek sensível à Força, era uma Mestre Jedi que serviu como General do Grande Exército da República durante as Guerras Clônicas. Antes das Guerras, Secura aprendeu os caminhos da Força como Padawan do Mestre Jedi Quinlan Vos. Com a eclosão da guerra civil entre a República Galáctica e a Confederação dos Sistemas Independentes, Secura e seus colegas Jedi apoiaram a República, tornando-se oficiais em seus recém-formados exércitos. Como uma General, ela comandou as tropas clones do 327º Corpo Estelar, com o Comandante CC-5052 "Bly" servindo ao lado de Secura.

Durante todo o conflito, Secura lutou ao lado de seus soldados em várias batalhas pela galáxia, de Geonosis a Quell, Coruscant e Felucia. Quando a guerra chegou ao fim, os clones foram instruídos pelo Chanceler Supremo Sheev Palpatine a executar a Ordem 66, resultando em um súbito expurgo da Ordem Jedi nas mãos de seus próprios soldados. Como resultado, Secura estava entre as primeiras vítimas do expurgo, tendo sido baleado nas costas repetidamente por Bly e vários outros soldados clones.

O desaparecimento de Secura e muitos outros Jedi foi sentido através da Força pelo Grão-Mestre Yoda, que sobreviveu ao expurgo e finalmente escapou para o exílio, enquanto o Império Galáctico subiu ao poder no lugar da República. A morte de Secura também foi testemunhada em uma visão da Força por Depa Billaba e seu aprendiz, Caleb Dume em Kaller.

Jedi Este artigo é um esboço de um Jedi. Você pode ajudar o Star Wars Wiki expandindo-o.


Aparições Editar

Aparições não-canônicas Editar

Fontes Editar

Em outras línguas
O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.