Este artigo detalha um assunto considerado cânon.

O assunto deste artigo existe ou é relevante no mundo real.

Capítulo 7: The Reckoning é o sétimo episódio da primeira temporada da série live-action The Mandalorian. Estreou em 18 de Dezembro de 2019, exclusivamente na Disney+.

Resumo do enredo

Proposta de Greef

A bordo da Razor Crest, o Mandaloriano recebe um holograma de Greef Karga, o chefe da Guilda de Caçadores de Recompensas. Ele diz ao Mandaloriano que o Cliente impôs um domínio despótico sobre sua cidade, o que está impedindo a subsistência da Guilda. A Guilda considera o Cliente um inimigo comum, mas não consegue se aproximar o suficiente dele para eliminá-lo. Ele oferece ao Mandaloriano uma proposta: trazer a Criança de volta a Nevarro como isca para eliminar o Cliente, e se tiver sucesso, o Mandaloriano ficará com a Criança e Greef limpará seu nome com a Guilda. Greef diz que um "homem de honra" não deve viver no exílio e aguarda a resposta do Mandaloriano.

Recrutando uma guerreira

O Mandaloriano observa a Criança dormindo, refletindo sobre a oferta de Greef, antes de levar a Razor Crest para o hiperespaço. Chegando em Sorgan, o Mandaloriano retorna ao bar onde sua conhecida, Carasynthia Dune, está envolvida em uma luta de boxe com um lutador Zabrak; os dois estão ligados com uma corda laser. O Zabrak é mais forte, mas Cara consegue ganhar vantagem e derrotá-lo, e assim vários clientes, bem como o Zabrak derrotado, pagam ela.

O Mandaloriano logo entra com a Criança, perguntando se ela está procurando algum trabalho. Ele conta a ela sobre a proposta de Greef, acrescentando que eles estão fornecendo o plano e o poder de fogo, porém Cara diz que foi aconselhada a se esconder, já que há uma recompensa por sua cabeça. No entanto, ela muda de ideia quando o Mandaloriano diz a ela que eles estão lutando contra um ex-senhor da guerra Imperial.

A bordo da Razor Crest, Cara pergunta se o contato tem que saber o seu histórico. O Mandaloriano responde que ele nem sabe que ela vai, porém quando Cara diz que isso pode ser um problema, ele diz que não vai, mas se for, será problema dele; e então eles vão até o arsenal para buscar armas. Quando Cara pergunta ao Mandaloriano se ele confia em seu contato ele confidencia que não quanto gostaria, mas diz que eles não podem continuar fugindo dos caçadores e que a Guilda não vai parar de caçar até que a Criança esteja morta, e por isso ele diz que precisa da ajuda dela.

Só então, a criança brinca com os controles da nave, fazendo com que ela perca a estabilidade e comece a se mover bruscamente, no entanto o Mandaloriano e Cara conseguem recuperar o controle da Razor Crest. Cara diz que eles precisam de alguém que possa cuidar da Criança e pergunta ao Mandaloriano se ele conhece alguém em quem possam confiar.

Recrutando um cuidador

Eles viajam até a fazenda de umidade do Kuiil no planeta Arvala-7, onde Kuiil comenta que a Criança não cresceu muito e por isso pensa que, como já trabalhou e uma fazenda de gene, a criatura seja uma espécie evoluída. O Ugnaught brinca que Cara Dune foi cultivada nas Cytocavernas de Nora. O Mandaloriano apresenta Cara para ele e explica que ela serviu como uma soldado de choque rebelde, e Kuiil diz que ele serviu do "outro lado" como trabalhador contratado, mas pagou suas dívidas antes de se libertar.

IG-11, que estava reprogramado, entra, oferecendo-se para servir um pouco de chá. Cara e o Mandaloriano erguem seus blasters, mas Kuiil diz a eles para abaixarem, explicando então que encontrou o IG-11 no acampamento e trouxe o droide desintegrado para casa, declarando os destroços como seus de acordo com o Estatuto da Nova República. Ele consertou o IG-11, e apesar de pouco ter sobrado da estrutura neural do droide, ele teve que reaprender tudo do zero. Enquanto o droide tinha dificuldade em realizar tarefas, Kuiil passou um tempo reforçando seu desenvolvimento com "paciência e afirmação". Ele conta que o IG-11 passou a desenvolver uma personalidade a partir de suas experiências, tornando-se mais habilidoso em suas tarefas. O Mandaloriano ainda desconfia do IG-11, mas Kuiil insiste que o droide não é mais um caçador, mas vai proteger.

Mais tarde, ele diz a Kuill que deseja contratar seus serviços, pois apareceram alguuns problemas, mas Kuiil diz não estar disposto a se dedicar aos serviços de outro ser, uma vez que está aposentado. Quando o Mandaloriano revela que quer contratar Kuiil para cuidar da Criança, Kuiil se oferece para reprogramar IG-11 para servir como babá, mas o Mandaloriano recusa ter o droide perto da Criança. Kuiil diz que o IG-11 foi programado para isso. Ele opina que os droides não são bons ou ruins, mas são reflexos neutros daqueles que os programam.

O Mandaloriano discorda, mas Kuiil diz a ele para confiar nele, insistindo que IG-11 irá se juntar a ele. Kuiil não aceita dinheiro, mas diz que o faz para proteger a Criança da escravidão imperial. Ele promete certificar-se de que as "velhas práticas" desaparecerão para sempre. O Mandaloriano finalmente concorda e Kuiil o convence a deixar os blurrgs virem também.

Viagem para Nevarro

Os blurrgs ficam presos a bordo do compartimento de carga da Razor Crest. Cara Dune e o Mandaloriano se envolvem em um jogo de queda de braço, e pensando que o Mandaloriano está em perigo, a Criança usa a Força e sufoca Cara até que o Mandaloriano diga a ele que ela é amiga. Kuill fica curioso com a ação da Criança, mas Cara está assustada. Kuiil agora entende como ocorreu o encontro do Mandaloriano com o mudhorn, mas é incapaz de nomear o fenômeno.

O Mandaloriano pede a ajuda de Kuiil para acolchoar o carrinho da Criança para ela dormir melhor, mas ele diz que ao invés disso, vai fabricar um melhor. Enquanto isso, o Mandaloriano pergunta a Cara se ela já esteve em Nevarro, o que ela responde que nunca esteve, mas diz que a Nova República perdeu muitos homens por lá. Ela explica que a cidade é difícil de acessar e não tem como dar cobertura, e que a cidade permaneceu no domínio do Império até o final da Guerra Civil Galáctica.

O Mandaloriano diz que o Cliente era um ex-oficial Imperial que destruiu o esconderijo dele para salvar a Criança, e desde então reforços Imperiais foram para lá. O Mandaloriano desconfia do IG-11 e se recusa a permitir que ele cuide da Criança.

Reunião com Greef

A Razor Crest pousa em uma parte remota de Nevarro. O Mandaloriano, Kuill e Cara saem da nave montando em blurrgs, e são recebidos por Greef Karga e três outros caçadores de recompensas, incluindo um humano, um Nikto e um Trandoshano, então Greef explica que ele marcou um encontro em um local remoto porque a cidade agora é governada por forças ex-Imperiais.

Greef sugere que a ex-rebelde fique para trás para proteger a nave de Jawas nos campos de lava, o Mandaloriano insiste que Cara vai junto e faz ele ceder, mas aconselha Cara a cobrir sua tatuagem rebelde. Greef também obtém permissão do Mandaloriano para olhar e segurar a Criança, a quem ele chama de "criatura preciosa". O grupo do Mandaloriano é aconselhado a viajar pelos campos de lava e encontrar um lugar para acampar durante a noite.

Naquela noite, eles acenderam uma fogueira e assaram um animal de quatro patas, e Greef comenta que a Criança é carnívora por causa de seus hábitos alimentares. Greef e o Mandaloriano repassam o plano que envolve entrar no estabelecimento, mostrar ao Cliente a Criança e depois o matar na mesa. Quando o Mandaloriano pergunta sobre os reforços, Greef afirma que eles são mercenários, mas o Mandaloriano é cético, então Greef diz que existem apenas quatro guarda-costas e que nada pode dar errado.

Nesse momento, um animal voador nativo desce e morde o braço de Greef. O grupo começa a ser atacado e atira nas várias feras aladas, enquanto o Mandaloriano sela a Criança em seu carrinho. As criaturas conseguem capturar e levar um blurrg e o caçador de recompensas Trandoshano, e quando uma delas tenta pegar outro blurrg, é morta a tiros. O Mandaloriano consegue afastar as criaturas com seu lança-chamas.

O braço direito de Greef fica gravemente ferido pelo ataque da criatura, cuja mordida contém veneno, o que o leva a crer que seu fim está próximo. Cara diz a ele para não ser tão dramático e pergunta se alguém tem outro kit médico, porém nenhum deles tem, mas a Criança chega perto e consegue curar o braço de Greef usando a Força. Greef, Kuill, Cara, o Mandaloriano e os outros caçadores de recompensas ficam maravilhados com os poderes da Criança.

Um novo plano

No dia seguinte, o grupo continua sua jornada. Greef e seus dois caçadores restantes tentam emboscar e matar o Mandaloriano e Cara, no entanto, Greef se arrepende e mata seus associados. Ele admite que o plano inicial era matá-los e levar a Criança e diz que ele não pôde prosseguir depois que a Criança o curou. Greef convence o Mandaloriano e Cara a poupar sua vida, dizendo que a Criança não estará segura se for ele for morto. Greef diz a eles que o Cliente está obcecado pela Criança.

Cara não acredita nele, mas Kuiil convence ela e o Mandaloriano a ouvir Greef, que diz que eles compartilham um interesse mútuo em eliminar o Cliente. O Mandaloriano aceita e apresenta um novo plano para matar o Cliente, o qual Cara acha que isso é loucura, mas o Mandaloriano diz que é o único jeito. Kuill fica encarregado de voltar com a Criança para a Razor Crest enquanto Greef e Cara levam o Mandaloriano como um falso prisioneiro e o berço da Criança para a cidade

O covil do Cliente

Eles encontram dois troopers de reconhecimento em speeder bikes 74-Z na entrada. Os soldados exigem um código de série de Greef, que cumpre. Os três descobrem que a cidade está cheia de stormtroopers, e Greef explica que os imperiais aumentaram sua presença depois do Mandaloriano ter invadido e destruído o esconderijo.

Os três entram em uma cantina onde encontram o Cliente e quatro guarda-costas stormtroopers. Greef diz ao Cliente que ele e Cara trouxeram o Mandaloriano e a Criança. O Cliente se interessa pela armadura beskar do Mandaloriano e um droide de protocolo RA-7 serve uma bebida a Greef como recompensa por fechar o negócio. O Cliente fala sobre a loucura de Mandalore resistir à expansão Imperial e afirma que o Império melhora cada sistema que toca; trazendo segurança, prosperidade, comércio e paz. Ele compara o governo imperial favoravelmente ao estado da galáxia após a revolução, que ele afirma ter trazido apenas caos e morte.

O Cliente pede para ver a Criança, e Greef afirma que está dormindo, mas o Cliente promete que ficará quieto. Um dos stormtroopers informa Greef que ele recebeu uma ligação urgente; um stormtrooper monta um holoprojetor enquanto o Mandaloriano faz Greef o libertar de suas algemas e passar um blaster para ele. Cara acha que as chances deles são ruins.

O Cliente abre uma transmissão com Moff Gideon, que pergunta se eles trouxeram a Criança, e o Cliente responde que está dormindo. Logo após de Gideon dizer a ele para verificar novamente, troopers da morte abrem fogo contra a cantina de fora, matando o Cliente e seus stormtroopers enquanto o Mandaloriano, Cara e Greef se escondem atrás de uma mesa. O droide de protocolo RA-7 também é atingido no fogo cruzado.

Ultimato de Moff Gideon

Os três logo se encontram com o lugar cercado por uma fileira de troopers da morte. Um Transporte de Tropa Imperial K79-S80 chega carregando um contingente de stormtroopers, e então Cara percebe que eles estão em menor número. O Mandaloriano contata Kuiil por comlink e diz a ele para fugir. No entanto, sua conversa é interceptada pelos troopers de reconhecimento, que correm atrás de Kuiil em suas speeders bike.

Pouco depois, Moff Gideon chega em um caça TIE com coletores solares retráteis. Ele sai do TIE e diz ao Mandaloriano e seus companheiros que eles têm algo que ele quer. Ele afirma que eles não têm ideia do que possuem, e enquanto o Mandaloriano entra em contato com Kuiil, os troopers se aproximam cada vez mais dele.

Gideon diz que a Criança será dele em alguns momentos, conforme Kuiil se aproxima da Razor Crest e abaixa a rampa. Gideon acrescenta que a Criança significa mais para ele do que eles jamais saberão. O Mandaloriano contata Kuiil, mas ele não responde. Ele e seu blurrg foram mortos a tiros pelos troopers de reconhecimento, que raptam a Criança.

Bibliografia

Notas e referências



As seções "Aparições" e "Fontes" foram importadas e traduzidas automaticamente do artigo em inglês pela Interface de Criação de Páginas. Consulte o histórico do artigo original para identificar os autores.


O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.