Este artigo detalha um assunto considerado cânon.

TFMR2reparos.jpg Esse artigo está sendo editado por Rafael Rossi.

Como cortesia, por favor não edite esse artigo enquanto essa
mensagem estiver aqui, para evitar conflitos de edição.
Se você quiser saber quem está trabalhando nesse artigo
e quando a seção de edição começou, consulte o histórico de edição e a página de discussão.

Cerca a D'Qar foi uma batalha ocorrida no Sistema Ileenium em 34 DBY entre as forças da Resistência e Primeira Ordem. [1]

Histórico

Prelúdio

Como resultado da Batalha da Base Starkiller, a Base Starkiller foi destruída mas as forças remanescentes da Resistência foram perseguidas até sua base, o planeta D'Qar no Sistema Ileenium. Após a chegada das forças da Resistência na base logo foi identificado que a Primeira Ordem havia, de alguma forma, conseguido seguir suas forças até seu planeta, tendo identificado essa questão, Leia Organa de imediato decretou a evacuação da base, ficando Kaydel Ko Connix como responsável por sua evacuação. Leia ordenou que o Esquadrão Negro (Resistência) e o Esquadrão Inferno (Resistência) saíssem em busca de aliados e pessoal sobrevivente da Nova República, enquanto isso, Poe Dameron liderou um ataque para ganhar tempo para a evacuação. [1]

A distração de Poe Dameron

Poe acelera em direção à Fulminatrix

Logo que chegaram no Sistema Ileenium, três Destróier Estelar classe Resurgente, incluindo a nau capitânia de Armitage Hux e Kylo Ren, a Finalizador encontraram a Resistência em pelo processo de evacuação. Hux então ordena que o Capitão Moden Canady, a bordo do Couraçado de Sítio classe Mandator IV Fulminatrix que acabou de chegar no Sistema disparasse contra a Base da Resistência no planeta D'Qar.

Nesse momento, Poe Dameron a bordo de seu X-Wing chegou próximo à Fulminatrix e, através de um tentativa de comunicação, causou uma distração em Hux, fazendo com que ganhasse tempo para carregar uma turbina que foi acoplado de ultimo momento em sua nave. Após a carga dessa turbina, Poe utilizou para se aproximar da Fulminatrix e destruir todos os canhões de superfície que haviam no Couraçado, somente depois Hux demandou que os TIEs fossem lançados. Apesar da perseguição, quando o ultimo canhão foi destruído, Poe comandou o avanço do resto das naves. [1]

Evacuação e Destruição da Base

Enquanto Poe estava distraindo a Primeira Ordem, Connix estava coordenando a retirada de todo o equipamento e pessoal possível utilizando Cargueiros U-55. Justamento ao final da evacuação, no momento que o ultimo cargueiro levantou voô, a base foi destruída por tiros de Canhão Orbital da Fulminatrix. Todos os transportes se dirigiram para a Raddus (nave) que estava sendo escoltada pelas naves Anodyne (Nebulon-C), Ninka e Vigília (classe Vakbeor).

Ataque à Fulminatrix

Após a ordem de Poe iniciou a aproximação dos Esquadrão Cobalto (Resistência), Esquadrão Carmin (Resistência), Esquadrão Vermelho (Resistência) e Esquadrão Azul (Resistência). Com os Esquadrões Cobalto e Carmim composto por Bombardeiros Estelares adotando uma formação cerrada e os demais esquadrões protegendo os bombardeiros.

Um enxame de TIEs se aproximaram dos atacantes, iniciando um combate que vitimou três X-wing T-70 e todos os bombardeiros. Antes de sua destruição, o bombardeiro Cobalto Martelo conseguiu despejar suas bombas na Fulminatrix levando-a a destruição. [1]

Consequências

Após a destruição da Fulminatrix as forças da Resistência conseguiram fugir mas as forças da Primeira Ordem utilizaram uma nova tecnologia que conseguia rastrear as naves mesmo após o salto, dando inicio à Ataque à frota da Resistência. [1]

Aparições

Fontes

== Notas e referências ==

As seções "Aparições" e "Fontes" foram importadas e traduzidas automaticamente do artigo em inglês pela Interface de Criação de Páginas. Consulte o histórico do artigo original para identificar os autores.


O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.