FANDOM


Eras-canon-transp

"Quem são vocês? Quero dizer, vocês não são ladrões exatamente."
"Não somos exatamente nada. Somos uma tripulação. Um time. De certa forma, uma família.
"
―Ezra Bridger e Sabine Wren[fonte]

Os Espectros, também conhecidos como a equipe Fantasma, a tripulação do Fantasma, célula Espectro e antigamente os rebeldes de Lothal, foram uma célula de combatentes da resistência que operaram principalmente no planeta Lothal antes da Guerra Civil Galáctica. Os rebeldes, que operavam contra o governo do Império Galáctico, estavam sediados em sua nave, o Fantasma, e também realizavam operações em outros mundos próximos. Cada membro da rebelião havia perdido alguma coisa para o regime imperial e lutado na esperança de algum dia libertar a galáxia do domínio do Império. Os rebeldes faziam parte de um movimento rebelde maior e desconectado liderado pelo senador Bail Organa e Ahsoka Tano. Este movimento acabaria por dar origem à Aliança pela Restauração da República. Eventualmente, a célula do Espectros foi mesclada com a maior célula Fênix.

Os rebeldes eram liderados por Kanan Jarrus, um sobrevivente Jedi da Ordem 66. Os outros rebeldes eram Hera Syndulla, a proprietária e piloto do Fantasma; O aprendiz órfão de Lothal que se transformou em um Jedi, Ezra Bridger; a especialista em explosivos mandaloriana Sabine Wren; Garazeb Orrelios, o ex-capitão da Guarda de Honra Lasan; e o droide astromecânico C1-10P, apelidado de "Chopper". Suas operações atraíram a atenção do agente Kallus, do Departamento de Segurança Imperial, do caçador Jedi conhecido como Grande Inquisidor, do ameaçador Grande Almirante Thrawn e até mesmo de Darth Vader, os quais perseguiram os rebeldes na tentativa de destruí-los.

DescriçãoEditar

"Nós fomos chamados criminosos, mas nós não somos. Somos rebeldes, lutando pelo povo, lutando por você."
―Ezra Bridger, transmitindo usando uma torre imperial[fonte]

Os Espectros eram uma pequena célula de resistência que operava fora do planeta Lothal, principalmente realizando ataques contra as operações do Império Galáctico no planeta. Por um tempo, os rebeldes eram uma tripulação de cinco pessoas, com cada membro da tripulação cumprindo uma função diferente. Kanan Jarrus, um sobrevivente Jedi da Ordem 66, era o líder da tripulação, enquanto Hera Syndulla era a proprietária e piloto do Fantasma, a nave do qual os rebeldes estavam sediados.[3] Garazeb Orrelios era um ex-capitão da Guarda de Honra Lasan e um dos poucos membros sobreviventes das espécies Lasat, [11] e ele agia como o músculo da tripulação. Sabine Wren era uma guerreira mandaloriana e especialista em explosivos, além de grafiteira; depois de ataques contra o Império, Wren deixaria seu próprio cartão de visitas, o pássaro estelar, para que o Império soubesse quem os atacara. A tripulação também tinha um droide, C1-10P, a quem apelidaram de "Chopper". Cinco anos antes da Batalha de Yavin, os rebeldes tomaram Ezra Bridger, um órfão de rua de Lothal, como membro da tripulação, e Jarrus o treinou nos caminhos da Força.[3]

HistoriaEditar

OrigemEditar

"Começamos querendo lutar contra o Império. Alguém tinha que fazer algo sobre o terror e a injustiça que estão espalhando pela galáxia."
―Kanan Jarrus[fonte]

O grupo que ficou conhecido como os Espectros começou com Hera Syndulla, que seguiu os passos de seu pai, Cham Syndulla,[12] um combatente da resistência que liderou a Resistência Twi'lek contra a Confederação de Sistemas Independentes durante as Guerras Clônicas [13] e que mais tarde se rebelaram contra o Império. [14] Suas operações levaram-na a uma missão de coleta de informações no planeta Gorse, onde conheceu Kanan Jarrus e soube que ele era um Jedi que sobreviveu à queda da Ordem Jedi e da República Galáctica. Depois de trabalharem juntos para ajudar a salvar Gorse e sua lua, Cynda, do Conde Denetrius Vidian e do Império, Jarrus se juntou a Syndulla e sua causa.[15]

Eras-canon Este artigo é um esboço canônico. Você pode ajudar a Star Wars Wiki expandindo-o.

Aparições Editar

Star Wars Rebels Poster

The Spectres

Fontes Editar

Notas e referênciasEditar

As seções "Aparições" e "Fontes" foram importadas e traduzidas automaticamente do artigo em inglês pela Interface de Criação de Páginas. Consulte o histórico do artigo original para identificar os autores.
O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.