FANDOM


Eras-canon2-transp

Eras-legends

Era pre30px-Era-old30px-Era-imp30px-Era-reb30px-Era-new30px-Era-njo30px-Era-leg30px-Era-inf

"Como alguém pode comer essa coisa?"
"Algumas criaturas perguntam-se como os humanos podem beber água, ainda que você se delicie com ela."
Obi-Wan Kenobi e Si Treemba[fonte]
Água potável

Um recipiente de água potável.

Água era um composto produzido a partir dos elementos hidrogênio e oxigênio e encontrado em muitos planetas pela galáxia. A superfície de planetas como Mon Calamari e Kamino eram totalmente coberta de água, e em outros planetas terrestres a água podia ser encontrada em oceanos, lagos, rios e aquíferos. A água era um bem vital para muitas formas de vida, enquanto que para outras espécies era extremamente venenosa. Os corpos de várias espécies consistia em grandes quantidades de água - por exemplo o corpo humano - em que ela é responsável por aproximadamente 60% do peso corporal.

A água em sua forma solida era conhecida como "gelo", e na forma gasosa era chamada de "vapor de água" (ou simplesmente de "vapor"), que, a partir de então, se formavam cristais. Por vezes poderia condensar-se e cair como "neve", "granizo", etc. Planetas que tinham grande experiência com neve eram: Hoth, Mygeeto, Ilum, Rhen Var, Anteevy, Ota, Orto Plutonia e Polus; embora não se limitassem apenas a eles.

Colhendo águaEditar

A água era essencial para a sobrevivência da maioria das espécies e a disponibilidade de fontes sustentáveis ​​ou duradouras ou meios de aquisição de água afetava a habitabilidade de qualquer lugar particular. Uma variedade de meios, principalmente tecnológicos, existiam para adquirir água. Esses meios - usados ​​mais extensivamente em planetas secos e áridos - eram semelhantes à agricultura e, portanto, chamados de "cultivo de água".

A água subterrânea poderia ser extraída dos aquíferos através do uso de poços de água, árvores, e droides hidromecânicos, embora às vezes ele fluísse naturalmente de nascentes de água doce. Geralmente, era processada por um purificador de aquífero antes de ser distribuído para consumo. Em Coruscant, a água era coletada e armazenada em aquíferos artificiais gigantes.

As barragens foram construídas em alguns planetas para formar lagos artificiais com o objetivo de armazenar água para uso posterior, fornecendo uma fonte confiável de água.

Em climas secos e mundos, os vaporizadores de umidade foram utilizados extensivamente para colher qualquer umidade atmosférica disponível, coletando água suficiente para sustentar três humanoides médios, mesmo em planetas desérticos e quente como Tatooine. Os dispositivos de procura de água foram utilizados para detectar altos níveis de umidade e vaporizadores de umidade geralmente foram colocados nessas regiões para obter o máximo de produção.

Os mares e os oceanos eram uma fonte principal de água potável, mas não sem primeiro processá-lo. Em planetas como o Belasco, a água do mar foi utilizada após de um processo de dessalinização para torná-lo potável.

Alguns planetas tinham métodos de processamento e conversão de esgoto em água pura, para reutilizar a água. Um desses métodos usava bombas de recirculação.

Uma vez que a água foi coletada, foi distribuída através de grandes redes de canais de irrigação, permitindo que a água armazenada fluísse para as regiões povoadas para consumo. Um exemplo foi o Sistema de Irrigação Polar Telos, a principal fonte de água potável para Telos IV, embora tenha sido abandonado na época da Guerra Civil Jedi e usado principalmente como Academia Jedi Telosiana por um tempo depois disso.

Bebendo águaEditar

Entre suas muitas aplicações, a água era popular para beber, embora não entre todas as espécies. A água geralmente foi dispensada das torneiras da pia encontradas em vários tipos de edifícios. A água também pode ser comprada como uma bebida barata em uma cantina, ou em contêineres de vendedores ambulantes. A água potável gratuita era rara na galáxia. Como resultado, muitas vezes era alvo de contrabandistaa e ladrões.

Soldados e outros operários usavam água potável em cantinas, ou podiam beber água através de um capacete.

A qualidade e a pureza da água potável diferiram em toda a galáxia. Em Tatooine, beber água tinha um gosto metálico e cheirava fortemente a poeira e produtos químicos de purificação e continha pedaços de areia.

A maioria dos animais e algumas espécies sencientes bebiam água diretamente de lagos e rios, embora nem todos os corpos de água estivessem seguros de beber. Por exemplo, a água do lago Natth em Ambria foi envenenada pelo lado sombrio da Força.

Outros usos da águaEditar

Minerais valiosos podem ser extraídos da água do mar. O mundo oceânico de Utapau}, por exemplo, era rico em minerais, sais e produtos químicos, e era o único recurso natural no planeta que atraía o comércio interplanetário. No momento das Guerras Clônicas, no entanto, menos de 0,9% do planeta estava coberto de água.

A água foi usada na culinária, tanto para ferver alimentos como macarrão pashi, ou como ingrediente em bebidas, como chocolate quente.

Ele também tinha aplicações higiênicas. Os seres frequentemente utilizavam água através de acessórios encontrados em refreshers, como chuveiros, banhos e torneiras para se lavar.

A água poderia ser usada como arte ou decoração, sob a forma de elaboradas esculturas de água, fontes e piscinas.

Significado cultural Editar

A água era muito importante em algumas culturas, especialmente nos planetas onde a água era rara. O Povo da Areia de Tatooine considerava poços d'água lugares sagrados, consequentemente eram intensa e ardosamente protegidos. O culto de Vorn era uma religião em Kamar que possuía uma grande reverência à água.

Outros fatosEditar

Para recreação e relaxamento, alguns seres nadavam em corpos naturais de água, ou em piscinas artificiais. Grandes corpos de água apresentaram o risco de se afogar para muitas das espécies respiradoras de ar da galáxia. Dispositivos chamados rebreathers poderiam ser utilizados por esses seres para respirar debaixo d'água. O Yuuzhan Vong usava gnulliths em vez de rebreathers, que também podiam ser usados ​​por outras espécies. Em 33 ABY, Alexi Garyn se afogou, embora não sem o envolvimento de Darth Maul.

Alguns blasters eram conhecidos por mau funcionamento depois de serem submersos em água gelada. Os sabres de luz não podiam operar sob a água, a menos que fossem especialmente modificados.

Um poncho era um pedaço de roupa que poderia ser usado como proteção contra a chuva.

Em outras línguas
O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.