FANDOM


Eras-canon2-transp

Eras-legends

30px-Era-imp30px-Era-reb30px-Era-new30px-Era-njo30px-Era-leg

"O X-Wing T-65 é o caça que destruiu a Estrela da Morte. Um equilíbrio quase perfeito de velocidade, manobrabilidade, e blindagem defensiva o torna o caça escolhido para o Rogue Squadron."
General Carlist Rieekan[fonte]

O X-wing era uma importante série de vários caças produzidos pela Corporação Incom com a forma das quatro asas em "X", conhecida como folhas-S, que se estendia para fora da fuselagem. Esses caças eram encontrados no serviço da Aliança Rebelde, Nova República, e também a Aliança Galáctica. Eles foram inicialmente criadas para o Império Galáctico, mas quando toda a equipe de projeto da Incom desertou, os protótipos acabaram nas mãos da Aliança Rebelde. O caça X-wing foi concebido para o combate, com a reputação de ser não apenas resistente, mas também rápido e relativamente fácil de pilotar.

Dotado de armamento potente e polivalente, o X-wing se tornou o melhor caça rebelde. Esse caça possuía um gerador de potência média, o Novaldex 04-Z, capaz de manter os escudos e armamentos da nave durante a maioria dos combates. Apresentava também um hiperpropulsor respeitável, o Koensayr R300-H, e equipamentos de suporte de vida muito complexos. Seu computador de bordo era totalmente integrado, do tipo Torplex Rq8.Y. Além disso, possuía torpedos de prótons, com os quais o piloto Luke Skywalker destruiu a Estrela da Morte.

Até 130 DBY, existiam os seguintes tipos de X-wings:

Slave Este artigo é um esboço de uma nave espacial. Você pode ajudar o Star Wars Wiki expandindo-o.

FontesEditar

Links externosEditar

O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.