FANDOM


Eras-canon2-transp

Eras-legends

30px-Era-imp30px-Era-reb30px-Era-new

"Eu sinto que há mais em você do que os olhos podem ver, Jar Jar Binks."
Padmé Amidala[fonte]

Jar Jar Binks foi o primeiro Gungan a representar seu povo no Senado Galáctico, inicialmente como Representante Júnior junto da Senadora Padmé Amidala, e depois da sua morte como Senador completo. Como a maioria dos Gungans, Jar Jar era frouxo e falava o Básico com um sotaque único. Apesar de ser ingênuo e desajeitado, Jar Jar Binks contribuiu em grande medida para o destino da República Galáctica, para o bem e para o mal.

Binks também foi um dos acompanhantes de Qui-Gon Jinn durante a Invasão de Naboo, viajando para mundos distantes como Tatooine e Coruscant, uma atividade que poucos Gungans faziam. Ao retornar para Naboo, ele serviu brevemente como General Bombad no Grande Exército Gungan, sendo co-comandante da Batalha das Grandes Planícies de Grama com o General Ceel. Binks posteriormente ajudou seu povo a colonizar a lua de Naboo Ohma-D'un. Durante sua carreira como Representante Júnior, ele agiu como substituto de Amidala e propôs dar ao Chanceler Supremo Palpatine poderes emergenciais para lidar com a Crise Separatista. Binks continuaria seu serviço público mesmo depois da morte de Amidala, tomando seu lugar como Senador do setor Chommell no recém-reformado Senado Imperial.

PersonajeP
Este artigo é, por ora, apenas um esboço de um artigo de prioridade da saga. Por favor complete-o pois ele está incompleto. Você pode ajudar a Star Wars Wiki expandindo-o.


O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.