FANDOM


Eras-canon2-transp

Eras-legends

30px-Era-imp

Tera Sinube foi um Mestre Jedi Cosiano que serviu à República Galáctica durante as Guerras Clônicas. Sinube tinha um profundo conhecimento sobre o funcionamente do submundo do crime de Coruscant, e era considerado um expert no assunto. Aproximadamente no ano 22 ABY, ele fora chamado pela padawan Ahsoka Tano, que o pediu para ajudar a procurar o sabre de luz que pertencia a ela.

BiografiaEditar

Mestre JediEditar

Tera Sinube era um Mestre Jedi que viveu durante o conflito entre a República Galáctica e a Confederação de Sistemas Independentes, conhecido como as Guerras Clônicas. Ele privou-se de ir para a batalha enquanto vários de seus companheiros Jedi serviram no Grande Exército da República liderando os clones, preferindo ficar em Coruscant usando seus talentos para combater o submundo do crime do planeta. Durante a guerra, Sinube teve acesso a um banco de dados detalhado, que contia a biografia de vários criminosos do planeta.

Em 22 ABY, Sinube estava na sala de comunicações do Templo Jedi quando General Grievous, o Supremo Comandante do Exército Droide Separatista, comunicou os Jedi da captura do Mestre Jedi Zabrak Eeth Koth. Sinube estava presente durante o desenvolvimento do plano para resgatá-lo, mas não participou dele.

Busca pelo sabre de luz perdidoEditar

Ainda no mesmo ano, Anakin Skywalker e sua padawan Ahsoka Tano estavam em uma missão até que o sabre de luz de Ahsoka foi roubado, acreditando que ela poderia encontrar mais informações sobre o ladrão nos arquivos do Templo Jedi, ela pediu ajuda da administradora da biblioteca, a Mestre Jedi Jocasta Nu.

Jedi Este artigo é um esboço de um Jedi. Você pode ajudar o Star Wars Wiki expandindo-o.


O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.