FANDOM


Eras-canon-transp

Star Wars The Rise of Skywalker
Ninguém realmente se vai.
Aviso! Essa página contém SPOILERS de Star Wars Episódio IX: A Ascensão Skywalker. Se você não quer ver spoilers, deixe esta página agora!

A Ordem Final foi uma teocracia dos Eternidade Sith centrado no planeta de Exegol nas Regiões Desconhecidas da galáxia, controlada pelo Lorde Sombrio dos Sith Darth Sidious. Como parte do plano de estabelecer um Império e executar a vingança do Imperador, os Eternidade Sith, seguidores de Sidious, levaram anos construindo a Frota Sith, que consistia de vários Destróiers Estelares capazes de destruir planetas com um único disparo de canhão.[1]

Em 35 DBY, a Ordem Final se revelou declarando uma mensagem de vingança ao Imperador Sheev Palpatine. O Imperador ofereceu a Kylo Ren, o Líder Supremo da Primeira Ordem, o comando da Ordem Final e de suas frotas se ele matasse Rey, a última Jedi. Após Kylo Ren abandonar a Primeira Ordem, o General Dedicado Enric Pryde assumiu o controle das frotas da Ordem Final e das tropas da Primeira Ordem, por ter servido Palpatine em guerras passadas. No entanto, a Ordem Final foi derrotada na Batalha de Exegol pela Resistência e a Frota dos Mundos Livres, prevenindo a Ordem Final de tomar uma forma de fato e eventualmente surgir com a queda da Primeira Ordem.

Aparições Editar

Notas e referências Editar

As seções "Aparições" e "Fontes" foram importadas e traduzidas automaticamente do artigo em inglês pela Interface de Criação de Páginas. Consulte o histórico do artigo original para identificar os autores.
O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.